Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Destralhar a casa e a vida!

Quinta-feira, 22.09.16

Aqui no Conversas à Janela vão ouvir muito de minimalismo, essencialismo e "destralhar"! São áreas que adoro explorar e com a vida atarefada que todos levamos hoje em dia... é difícil falar da "tralha" que acumulamos na nossa vida. Em casa, mental e social.

A cada dia que passa sinto mais a necessidade ter uma casa mais simples, funcional e sem tantos objectos. Bem... para alguns amigos que nos visitam é estranho não termos cortinados, por exemplo. Não quero, não me fazem falta e se os tivesse passava a vida a por os cortinados para o lado para ver a paisagem fabulástica que tenho.

Ando cansada e sei que tenho que abrandar. Este ano não tirei férias e por isso as coisas e sentimentos vão-se acumulando. Acho que para voltar aos vários afazeres profissionais com toda a força e ânimo... preciso de ter tempo para actividades que me fazem mais feliz.

E como é que vou fazer isso? Para começar, a destralhar a casa toda. Ontem e hoje destralhei a despensa/quarto de arrumos que tenho na parte de cima da casa. Estive 4 anos a acumular. Caixotes, caixas e caixinhas. Calçado que já não usava, roupa que já não gostava ou que nunca usei. Ora vejam o antes:

received_958838144243521.jpeg

 O depois:

IMG_20160922_165313.jpg

IMG_20160922_165337.jpg

IMG_20160922_165407.jpg

 

O que sobrou? Muitas caixas que vão para a reciclagem, tralhas que vão para a garagem (se não precisarmos de ir buscar nenhum desses objectos durante 6 meses...então também vão embora), dois sacos de roupa e dois de calçado, para dar, doar e vender.

As caixas de cartão desfeitas e prontas para a reciclagem:

IMG_20160922_165528.jpg

A roupa e calçado para vender, dar ou vender:

IMG_20160922_165015.jpg

As coisas para levar para a garagem:

IMG_20160922_165559.jpg

 Hoje vou dormir muito melhor! Já só faltam duas áreas a destralhar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Lia Pedrosa às 17:18

Estilo de Vida Essencialista (1)

Quinta-feira, 05.11.15

Livro Essencialismo - Greg Mckeown – Especialista em liderança e estratégia

 

Essencialismo-Aprenda-a-Fazer-Menos-mas-Melhor.jpg

Aprenda a fazer menos mas melhor – é o meu lema de vida e já há muito tempo que ando a ler este livro. Não é de todo um livro para se ler de fio a pavio, pois a cada página é uma redescoberta. Vou partilhar convosco algumas das partes “essenciais” para mim. Estejam atentos (caso seja essencial para vocês, claro)!

 

Capitulo I - Qual o cerne da forma de pensar de um Essencialista?

O modo do essencialista é a procura incessante do menos mas melhor, é perguntar a si próprio e diariamente se está a fazer as escolhas certas. É apreender a filtrar todas as opções e escolher apenas as que são verdadeiramente essenciais.

O modelo:

1.jpg

 

 

Não-essencialista

Essencialista

Pensa

Tudo para toda a gente

“tenho de”

“tudo é importante”

“como posso encaixar tudo”

Menos mas melhor

“escolho”

“só algumas coisas realmente importam”

“que concessões tenho de fazer?”

Faz

A procura indisciplinada do mais

Reage ao que é mais urgente

Diz “sim” às pessoas sem pensar

Tenta forçar a execução à última da hora

A procura disciplinada do menos

Pausa para distinguir o que é realmente importante

Diz “não” a tudo exceto ao essencial

Elemina obstáculos para tornar fácil a execução

Consegue

Vive uma vida que não o satisfaz

Aceita muita coisas e o trabalho ressente-se

Sente-se descontrolado

Não sabe se as coisas certas foram feitas

Sente-se assoberbado e exausto

Vive uma vida que é realmente importante

Escolhe cuidadosamente para poder fazer um excelente trabalho

Sente-se com controlo

Faz as coisas certas

Tem prazer no processo

 

 

«Se não criar prioridades na sua vida, alguém o fará por si!»

Porque é que o Não –Essencialismo está por todo o lado?

Porque:
…há demasiadas escolhas
…demasiada pressão social
…a noção que podemos ter tudo

Um essencialista Explora, Avalia, Elimina e Executa. Então qual é o cerne da forma de pensar de um essencialista?

  1.  Escolha individual – podemos escolher como gastar o nosso tempo e energia
  2. A prevalência do ruído – quase tudo é ruido e muito poucas coisas são excecionalmente valiosas
  3. A realidade das concessões – não podemos ter tudo nem fazer tudo.

Continua...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Lia Pedrosa às 11:07

Destralhamento (3)

Segunda-feira, 05.10.15

Hoje, em 5 minutos consegui destralhar a caixa de costura, que eu achava ter a medida ideal. Não podia estar mais errada. Em casa, preciso apenas de botões, linhas, agulhas e alguns alfinetes. De uma caixa enorme passei a ter uma caixa pequena, e que faz conjunto com outras duas, que estão na minha secretária. No Armazém tenho máquina de costura e por isso esta caixa de costura é para alguma emergência em casa. Hoje destralhei mais um bocadinho da minha casa e estou aliviada. Gosto muito de simplicidade e ​do aspecto minimalista!

costura2.jpg

 

O antes era caótico...tinha o material de costura misturado com o material de bijuteria que de vez em quando faço. 

unnamedcostura 1.jpg

 Agora o material de costura passa a estar na caixa redonda e a de metal tem o material de bijuteria. A tal caixa grande vai servir para outro destralhamento. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Lia Pedrosa às 20:05

Livro Essencialismo

Sexta-feira, 23.01.15
Comprei o livro Essencialismo ainda em 2014, com o intuito de o começar a ler em Janeiro, para me ajudar a concretizar a maior parte dos objetivos para os quais me propus trabalhar em 2015.
Estou a adorar ler o livro e muitas vezes me revejo nas palavras do autor. Um dos livros mais interessantes que tenho na minha biblioteca pessoal.

Essencialismo Aprenda a Fazer Menos mas Melhor

Contra-capa do livro:

 

"Quantas vezes já reagiu a um pedido dizendo que sim, sem pensar devidamente no assunto? • Considera que está constantemente atarefado, mas não é produtivo? • Costuma aceder aos pedidos dos outros apenas para agradar ou evitar problemas? • Sente que o seu tempo é muitas vezes condicionado às agendas de outras pessoas?

SE RESPONDEU SIM A PELO MENOS UMA DESTAS PERGUNTAS, A SOLUÇÃO PARA SI É O ESSENCIALISMO.

Em Essencialismo, Greg McKeown usa a experiência que obteve e as ideias que criou a partir da colaboração com os líderes de algumas das empresas mais inovadoras no mundo (Facebook, Google, Apple, Twitter, LinkedIn) para mostrar como é possível fazer sempre, e apenas, as coisas certas, tornando-se mais produtivo e bem-sucedido no trabalho, e ganhando tempo para a sua vida pessoal.

Seguindo os conselhos simples e práticos deste livro conseguirá simplificar a sua vida, o seu pensamento e os seus objetivos, aprendendo a rejeitar as tarefas que são supérfluas e apenas o distraem do essencial. No fim, voltará a decidir por si as suas prioridades e eliminará os principais obstáculos para o êxito, tanto no trabalho como em casa."

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Lia Pedrosa às 10:43





mais sobre mim

foto do autor



pesquisar

Pesquisar no Blog  


calendário

Fevereiro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728

Direitos de Autor

Os textos e parte das fotos que aqui são publicadas são da minha autoria, tendo por isso os direitos reservados. Não autorizo a sua publicação sem que haja um pedido prévio e consentimento da minha parte. As fotos retiradas da Internet foram consideradas do domínio público e, sempre que possível identificado o seu autor.

Google Analytics


Visitas





comentários recentes

  • Lia Pedrosa

    Espero também o adorar e ficar viciada com ele!&nb...

  • Joana Marques

    Uso desde os meus 18 anos, tenho 35! Não consigo p...

  • Lia Pedrosa

    Olá! Foi no Parque de Estacionamento, mesmo pertin...

  • Dylan

    Foi fácil estacionar no Creiro? Na estrada ou naqu...

  • Just_Smile

    Estou ansiosa por ver este filme :)

  • Lia Pedrosa

    Acredito, e o livro está fantástico. Era um sonho ...

  • Just_Smile

    Ai adoro isto dá imenso jeito para as minhas sessõ...

  • Just_Smile

    Isso é porque não conheces a A3, há uma saída que ...

  • Sofia Margarida

    É verdade :)

  • Lia Pedrosa

    E garanto que ao vivo as imagens ainda são mais ma...